Escola EB1/JI Gomes Freire de Andrade

  • Localização: Oeiras, Portugal
  • Solução: Edifícios
  • Tipo: Educação
  • Arquitectura: 92 Arquitectos
  • Cliente: Câmara Municipal de Oeiras
  • Âmbito: Fundações e estruturas, redes de drenagem e abastecimento de águas
  • Área: 5084m2
  • Projecto: 2009
  • Construção: 2012
  • Fotografia: FG+SG | Fotografia de Arquitectura
  • Construtor: Canas Correia S.A.
  • Ver no Google Maps

Escola EB1/JI Gomes Freire de Andrade

  • Localização: Oeiras, Portugal
  • Solução: Edifícios
  • Tipo: Educação
  • Arquitectura: 92 Arquitectos
  • Cliente: Câmara Municipal de Oeiras
  • Âmbito: Fundações e estruturas, redes de drenagem e abastecimento de águas
  • Área: 5084m2
  • Projecto: 2009
  • Construção: 2012
  • Fotografia: FG+SG | Fotografia de Arquitectura
  • Construtor: Canas Correia S.A.
  • Ver no Google Maps

O novo edifício ocupa o lote onde se situavam as antigas instalações da Escola, que foram demolidas. O edifício é organizado a partir de eixos perpendiculares, formando um “U”, orientado a Nascente, permitindo que todos os espaços de permanência recebam luz natural de Sul. Desenvolve-se em um piso térreo e outro elevado, com cobertura plana. Apresenta um volume maior e mais compacto, a poente, do qual se destacam outros dois mais alongados, que se prolongam para nascente e formam um “braço” mais comprido a norte e outro mais curto a sul. Divide-se em três corpos estruturais.

No corpo A localiza-se a entrada da escola, o ginásio, as salas polivalentes e multiusos, balneários de apoio, arrecadações, cozinha e refeitório, todos estes ao nível do piso térreo, e os serviços administrativos, gabinetes e secretaria, salas de professores e áreas técnicas, no piso elevado. As estruturas são, em geral, porticadas em betão armado com lajes fungiformes maciças. No caso do ginásio e das duas salas polivalentes adjacentes, com duplo pé-direito e com dimensões em planta que prevêem vãos mínimos de 9.90m, numa direcção, e máximos de 15.40m, na outra, os vãos menores são vencidos por estruturas porticadas de betão armado, com uma viga de grandes dimensões ao nível da cobertura e, os vãos maiores, são vencidos por vigas metálicas que se configuram no plano da cobertura – do tipo “shed” – e que se apoiam, por sua vez, nas vigas de betão.

Os corpos B e C ocupam respectivamente o “braço” norte e o “braço” sul da escola, dispondo-se ao longo do seu eixo nascente-poente. O primeiro destina-se a salas de aula e, o segundo, terá um conjunto de quatro salas de aula no piso térreo e sala de formação e experiências e biblioteca no piso elevado. As estruturas são porticadas em betão armado com lajes fungiformes maciças, que são pré-esforçadas no corpo C. Os cobertos exteriores são formados por estruturas metálicas e mistas aço-betão.

Outros projectos

Reitoria da Universidade Nova de Lisboa

Reitoria da Universidade Nova de Lisboa

Ver mais
Palácio da Justiça de Vila Nova de Gaia

Palácio da Justiça de Vila Nova de Gaia

Ver mais
Arsenal 108

Arsenal 108

Ver mais
Laboratório de Referência para o Instituto Nacional de Saúde

Laboratório de Referência para o Instituto Nacional de Saúde

Ver mais
Parque Urbano de Albarquel

Parque Urbano de Albarquel

Ver mais
Montijo Retail Park – acréscimo de capacidade de carga

Montijo Retail Park – acréscimo de capacidade de carga

Ver mais
Topo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar a aceder a este website está a concordar com a utilização das mesmas. Para mais informações veja a nossa política de cookies.

Portugal 2020 / Compete 2020 / União Europeia - Fundo Europeu do Desenvolvimento Regional