Elevador do Jardim Público da Covilhã

  • Localização: Covilhã, Portugal
  • Solução: Obras de Arte, Geotecnia, Infraestruturas e Transportes
  • Tipo: Passagens pedonais e elevadores públicos, Projectos geotécnicos, Urbanismo, ambiente e espaços públicos
  • Arquitectura: Arpas
  • Cliente: Câmara Municipal da Covilhã
  • Âmbito: Fundações e estruturas, redes de drenagem e abastecimento de águas, estrutura de contenção
  • Projecto: 2010/2011
  • Construção: 2015
  • Fotografia: Liftech / ARPAS
  • Ver no Google Maps

Elevador do Jardim Público da Covilhã

  • Localização: Covilhã, Portugal
  • Solução: Obras de Arte, Geotecnia, Infraestruturas e Transportes
  • Tipo: Passagens pedonais e elevadores públicos, Projectos geotécnicos, Urbanismo, ambiente e espaços públicos
  • Arquitectura: Arpas
  • Cliente: Câmara Municipal da Covilhã
  • Âmbito: Fundações e estruturas, redes de drenagem e abastecimento de águas, estrutura de contenção
  • Projecto: 2010/2011
  • Construção: 2015
  • Fotografia: Liftech / ARPAS
  • Ver no Google Maps

A intervenção destina-se a estabelecer a ligação entre o Jardim Público, à cota 664.12, e o Largo da Av.ª Marquês de Ávila e Bolama, junto à nova ponte sobre a Ribeira da Carpinteira, à cota 620.00, através de dois passadiços de peões e dois elevadores verticais, implantados segundo um alinhamento recto. Os passadiços pedonais são estruturas metálicas autoportantes, lançadas entre os encontros perdidos nas plataformas superiores e os núcleos de betão armado que constituem as caixas dos ascensores, sendo os contraventamentos assegurados por travessas e diagonais em perfilados metálicos. No caso do passadiço mais baixo, para redução do vão livre, introduziu-se um pilar-parede, com secção transversal de 3.0mx0.4m, implantado numa plataforma intermédia.

O primeiro passadiço de peões, tem cerca de 15.95m de vão e o segundo passadiço vence um primeiro vão de 24.16m, até ao pilar-parede intermédio e, um segundo vão, com 18.22m.

Para suporte das terras no tardoz da garagem, permitindo a implantação da plataforma à cota 620.00, previu-se a execução de uma parede de contenção, do tipo Berlim, com duas fiadas de ancoragens definitivas.

Outros projectos

Substituição da Ponte ao pk74+100 da Linha de Ressano Garcia

Substituição da Ponte ao pk74+100 da Linha de Ressano Garcia

Ver mais
Substituição da Ponte sobre o rio Matola ao pk26+900 da Linha de Ressano Garcia

Substituição da Ponte sobre o rio Matola ao pk26+900 da Linha de Ressano Garcia

Ver mais
Ponte em Caia sobre o rio Zambeze

Ponte em Caia sobre o rio Zambeze

Ver mais
Ponte de Penacova sobre o rio Mondego

Ponte de Penacova sobre o rio Mondego

Ver mais
Substituição da Ponte ao pk78+650 da Linha de Ressano Garcia

Substituição da Ponte ao pk78+650 da Linha de Ressano Garcia

Ver mais
Nova ponte ferroviária sobre o rio Umbeluzi

Nova ponte ferroviária sobre o rio Umbeluzi

Ver mais
Topo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar a aceder a este website está a concordar com a utilização das mesmas. Para mais informações veja a nossa política de cookies.

Portugal 2020 / Compete 2020 / União Europeia - Fundo Europeu do Desenvolvimento Regional