Nova ponte ferroviária sobre o rio Umbeluzi

  • Localização: Boane, Moçambique
  • Solução: Obras de Arte, Infraestruturas e Transportes
  • Tipo: Pontes ferroviárias, Gestão e Fiscalização, Vias rodoviárias e ferroviárias, Gestão e fiscalização
  • Promotor: CFM – Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique
  • Cliente: CFM – Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique
  • Âmbito: Projecto de Estruturas e de Traçado Ferroviário, Inspecção de estruturas existentes, Estudos Geotécnicos, de Drenagem, de Proteção de Cheias e Hidrológicos, Fiscalização de trabalhos de construção de via-férrea e da ponte
  • Área: 2142m2
  • Projecto: 2015
  • Construção: 2015/ 2016
  • Fotografia: Mota-Engil Africa
  • Construtor: Mota-Engil Africa
  • Dimensão: 340m de extensão, 60m vão central máximo
  • Ver no Google Maps

Nova ponte ferroviária sobre o rio Umbeluzi

  • Localização: Boane, Moçambique
  • Solução: Obras de Arte, Infraestruturas e Transportes
  • Tipo: Pontes ferroviárias, Gestão e Fiscalização, Vias rodoviárias e ferroviárias, Gestão e fiscalização
  • Promotor: CFM – Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique
  • Cliente: CFM – Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique
  • Âmbito: Projecto de Estruturas e de Traçado Ferroviário, Inspecção de estruturas existentes, Estudos Geotécnicos, de Drenagem, de Proteção de Cheias e Hidrológicos, Fiscalização de trabalhos de construção de via-férrea e da ponte
  • Área: 2142m2
  • Projecto: 2015
  • Construção: 2015/ 2016
  • Fotografia: Mota-Engil Africa
  • Construtor: Mota-Engil Africa
  • Dimensão: 340m de extensão, 60m vão central máximo
  • Ver no Google Maps

A Nova Ponte ferroviária sobre o Rio Umbeluzi está integrada na Linha de Goba, em Moçambique, que estabelece a ligação entre o porto de Maputo e a Suazilândia, em Boane. A intervenção teve como objectivo a reposição das condições de segurança da travessia ferroviária sobre o Rio Umbeluzi. A antiga ponte, atirantada, foi construída no final do séc. XIX e apresentava diversas patologias em resultado da falta de manutenção, sabotagens e de embates nos elementos metálicos que comprometiam a sua segurança estrutural.

Face à magnitude das intervenções necessárias para repor a segurança estrutural optou-se pela desactivação da ponte existente e a construção de uma nova travessia. A solução para a nova Ponte foi dimensionada para composições de 27 ton/eixo e bitola do Cabo.

A nova travessia ficou localizada 15m a jusante da ponte antiga e desenvolve-se ao longo de 340m subdividido em 4 vãos centrais de 60m e 2 vãos de extremidade com 50m. O tabuleiro é composto por uma solução mista aço-betão, com duas vigas de alma cheia (2.70m de altura) e painéis pré-fabricados e está apoiada em pilares de betão armado fundados sobre maciços de estacas.

De forma a cumprir os limites aos deslocamentos horizontais regulamentares do tabuleiro em fase de exploração, foram definidos aparelhos bloqueadores no encontro de Boane.

A montagem do tabuleiro foi realizada com recurso a lançamento incremental.

Associado a esta ponte, houve necessidade de realizar uma correcção do traçado da linha de Goba numa extensão cerca de 1500m.

Outros projectos

Desnivelamento do Cruzamento na Area 18, Lilongwe

Desnivelamento do Cruzamento na Area 18, Lilongwe

Ver mais
Reabilitação de 16 pontes no troço entre Limbe e Nkaya no Malawi

Reabilitação de 16 pontes no troço entre Limbe e Nkaya no Malawi

Ver mais
Subconcessão Litoral Oeste

Subconcessão Litoral Oeste

Ver mais
Funicular de São João

Funicular de São João

Ver mais
Reabilitação da Ponte de Tirantes sobre o Rio Arade

Reabilitação da Ponte de Tirantes sobre o Rio Arade

Ver mais
Ponte pedonal sobre o rio Sizandro em Torres Vedras

Ponte pedonal sobre o rio Sizandro em Torres Vedras

Ver mais
Topo

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar a aceder a este website está a concordar com a utilização das mesmas. Para mais informações veja a nossa política de cookies.

Portugal 2020 / Compete 2020 / União Europeia - Fundo Europeu do Desenvolvimento Regional